Livro da Família Andrade

O Livro da Família Andrade foi oficialmente publicado nesta data de 28/02/2018!

Mas, para que entendam melhor, permitam-me contar um pouco dessa “saga”…

Foi no ano de 2014 que descobri o Clube de Autores, um site que permite a elaboração e “autopublicação” de livros. Funciona assim: você prepara seu próprio livro, com todos os detalhes que quiser, utiliza as ferramentas do site para criar sua capa, envia o arquivo, define o preço e eles publicam o livro numa de suas páginas. Caso alguém se interesse por seu livro faz o pedido diretamente na página do Clube de Autores e eles confeccionam o exemplar. Isso mesmo: “o”. Trata-se da chamada impressão sob demanda, ou seja, o livro somente é impresso na medida em que for encomendado. Dessa maneira os mais ilustres e desconhecidos autores – como eu – têm a possibilidade de ver sua obra impressa e publicada, sem a necessidade de gastar uma pequena fortuna com a impressão de uma centena ou mais de livros, que podem ou não vir a ser vendidos.

Pois bem, já há muitos anos sou um curioso no que diz respeito à genealogia – “uma ciência auxiliar da história que estuda a origem, evolução e disseminação das famílias e respectivos sobrenomes ou apelidos” – sendo que comecei os primeiros levantamentos lá pelo início da década de noventa, mas somente a partir de 2002 é que realmente passei a sistematizar aquele mundo de informações no formato de uma árvore genealógica. Ou seja, quando descobri o Clube de Autores eu já tinha um livro da família praticamente pronto (ainda que incompleto, com poucas fotos e com alguns erros). No afã de saber se esse negócio de impressão sob demanda realmente funcionaria, preparei o livro como deu, tendo separado as informações referentes ao ramo Andrade de minha família que eu tinha naquele momento (que eram os registros da família até o ano de 2012), e mandei ver.

Alguns dias depois recebi o resultado. Ficou ótimo! A impressão, a qualidade do material, o acabamento, tudo estava nos conformes! E foi assim que se deu a origem da primeira edição do Livro da Família Andrade, contendo os descendentes de meus avós paternos organizados em ordem cronológica, de modo que que a cada novo nascimento na família, bastaria acrescentar uma nova página no final do livro. E, uma vez que atestada a qualidade e confiança do serviço, as portas se abriram para a publicação de meus outros livros da “série” Filosofices de um Velho Causídico (confiram aí na lateral do blog)…

E agora, cerca de quatro anos após esse primeiro lançamento, temos a segunda edição desse livro da família. Desta vez tive o tempo e o cuidado necessários para poder me esmerar nos detalhes, na organização, no acabamento. Perturbei bem mais de uma vez muitos dos membros da família, encontrando tanto uma excelente receptividade por parte de alguns, quanto uma certa desconfiança por parte de outros. Paciência. Faz parte.

E, desta vez, este livro é bem mais do que uma simples lista dos membros da família!

Em O Início eu conto um pouco da história da Família Andrade, a provável origem desse nome, bem como traço a linha direta entre o mais antigo membro da família que consegui encontrar até os meus avós, Antonio e Sebastianna. E essa história começa em 1629, ano do nascimento de Ângela do Vale e Andrade, na Freguesia de Santa Comba de Fornelos, Distrito de Braga, região norte de Portugal.

Com a Árvore de Descendentes vem o rol em ordem cronológica com cada um dos 137 descendentes diretos até o final do ano de 2017: 12 filhos, 39 netos, 75 bisnetos e 11 trinetos – e a grande maioria com fotos, de modo que dá pra todo mundo se conhecer melhor. Além de permitir dar rosto aos nomes, também dá pra saber quando e onde cada um nasceu, com quem se casou, se por um acaso se separou, quais foram seus filhos e até mesmo quando faleceu. Muitas vezes com uma ou outra curiosidade pra temperar…

Na sequência temos Nosso Presente, um capítulo curtinho, somente para apresentar alguns curiosos gráficos que levam em consideração as datas de nascimentos na família desde seu começo, lá em 1936, ano do casamento de Antonio e Sebastianna.

Em Nosso Passado eu apresento algumas curiosidades que rondaram nossa família, desde quando os primeiros Andrade vieram de Portugal, onde se estabeleceram, para onde foram, assim como trago também alguns genogramas – uma espécie de árvore genealógica simplificada, uma maneira de demonstrar visualmente “quem foi filho de quem”.

Já em Nossos Antepassados tracei uma Árvore de Ascendentes, pois não é só uma única família que dá origem a determinado indivíduo; para cada geração que se sobe, dobra-se o número de antepassados: dois pais, quatro avós, oito bisavós, dezesseis trisavós e assim por diante – na maior parte das vezes cada qual oriundo de uma família diferente. Dessa maneira, a partir de meus filhos, além dos ascendentes da família Andrade, temos ainda as famílias: Nunes, Miura, Mizoguti, Santos, Maia, Antunes, Kumaki, Casaes, Bem, Mello, Faria, Franco, Romana, Novaes, Guimarães e Teixeira – isso para relacionar somente até os trisavós, na sexta geração. Mas neste livro o levantamento segue até a 22ª geração, ali pelo final da Idade Média…

Quase finalizando temos outro capítulo curtinho: Efemérides – uma maneira rápida e prática de saber quando cada um dos descendentes comemora seu aniversário.

Também pra facilitar, no Índice Alfabético tem a relação de praticamente todos os nomes que são citados no livro, quer sejam descendentes ou não, com a respectiva página onde se encontram.

E como não podia deixar de ser, em Terminus eu falo um pouco dos outros livros que publiquei, bem como apresento uma pequena crônica que escrevi há alguns anos e com a qual ainda me emociono a cada vez que leio. É onde também se pode encontrar uma imagem da capa bem como as “orelhas” que foram escritas para cada um desses livros.

Enfim, é isso! Aqueles que já tiveram acesso à primeira edição vão ficar surpresos com a quantidade de informações que trago nesta segunda edição. E, melhor ainda, publiquei duas versões do Livro da Família Andrade: uma em preto e branco e outra em cores. É lógico que o preço desta segunda fica bem mais salgado, mas vai do gosto de cada um, né? Abaixo seguem os links para acesso aos livros, lá no Clube de Autores.

Livro da Família Andrade (P&B)

Livro da Família Andrade (CORES)

E aí? Ainda tá esperando o quê? 😉

2 thoughts on “Livro da Família Andrade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *