Questão de pronúncia

Pequeno causo encaminhado pelo amigo e copoanheiro de plantão, Bicarato. Diz que foi com uma amiga…

======================================

Diálogo entre filha e mãe, a caminho da escola:

– Mãe, lembrei de uma coisa que eu queria muito te perguntar.

– Diga.

– O que é uma funilária?

– Não é funilária que fala. É funilaria. Sem acento.

E ela, meio desconfiada:

– Não é não. É funilária mesmo.

– Isso não existe. Você está confundindo. Colocando acento onde não existe. Se você quiser saber o que é FU-NI-LA-RI-A, eu explico.

Ainda não convencida:

– Tá booooommm, vai… O que é funilaria?

– É o nome de um lugar que desamassa e faz pintura de carros. Quando alguém bate o carro, leva lá e a funilaria arruma.

– Tááááááá veeeeendoooooo (com cara muito irônica), não era isso que eu queria saber! Minha amiga disse que o pai dela trabalha numa funilária.

– Então… É isso. Ele deve pintar carros.

– Nããããooo mãããe!!! Urgh! Ela disse que o pai dela trabalha num lugar que tem coisas pra gente morta!

– Ah! Funerária!

======================================

Heh… Crianças não são sempre o máximo? 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *