Nove

Treze de maio de 1.999.

Exatamente às 13h02min.

Nove anos.

Pensei que iria ter tanta, mas tanta, mas TANTA coisa para falar aqui e – vejam só! – faltam-me palavras, minha voz se torna embargada, meus olhos marejam.

Onde está aquele bebê? Quem é esse adulto em miniatura que discute temas de igual para igual comigo? Quando foi que ele cresceu tanto? Onde eu estava que não percebi isso direito?

Isso assusta.

Mas também comove.

Parabéns ao primogênito.

Feliz aniversário, filho.

Feliz aniversário, Kevin!

2 thoughts on “Nove

  1. Parabéns Kevin!
    E ao pai do prodígio pela linda criação e pelo carinho enorme que tem pela família.
    Muitos anos e muita saúde aos dois!
    Beijocas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *