Game world

Meu filhote mais velho, do alto de seus sete anos, já é um enxadrista melhor do que muitos adultos que conheço. O que não impediu que ontem, após cerca de uns vinte lances, eu lhe desse um fulminante xeque-mate.

Ficou acertado uma revanche para hoje à noite, mas agora em outro território: jogaremos Need for Speed Underground no Playstation II.

Sinto que levarei uma memorável surra…

3 thoughts on “Game world

  1. Originalmente eu havia cometido a gafe ABSURDA de ter escrito nesse post a palavra “cheque-mate”, assim, com “CH”. Ainda que longe do computador, num momento de lucidez, me lembrei desse erro e corri para casa para corrigi-lo. Contudo o sempre atento amigo Paulo não deixou passar despercebido o equívoco, e me mandou um e-mail bem humorado, o qual – com a devida vênia – transcrevo abaixo:

    “Caro amigo…

    Não querendo ser “XATO”, mas já sendo,

    CHEQUE o seu último post.

    Não ficou muito CHIQUE.

    Confesso que levei um CHOQUE.

    Muito embora o que nos MATE

    sejam os CHEQUES voadores que soltamos e corremos para cobrir,

    Preciso lembrá-lo que o “mate” do “CHADREZ”

    é com XIS: é “XEQUE-MATE”. “

  2. rsrsrs… E eu, “cheio de dedos” para lhe dar esse toque… “Tãotáintão”… Também acho muito interessante e necessário esse tipo de colaboração. Mas nem sempre as pessoas estão receptivas e, dependendo do dia que tiveram, pode ser que acabe não sendo tão bem-vindo naquele momento. Eventualmente acabamos encontrando alguns “pecadilhos” que, conhecendo o autor do texto, entendemos haver sido erro de digitação ou somente o caso de falta de uma revisão antes de publicar. De mais a mais, não há que se cobrar rigor nesse quesito de quem já demonstrou sobejamente ter admirável domínio na escrita e nos brinda com tanta espirituosidade e cultura, cujo afã em dar notícias aos visitantes acaba dando margem a eventuais (e raras) “marteladas no teclado”.
    Só para finalizar, faltou apenas vc colocar o título do e-mail, que não poderia ser mais oportuno para o tema: “O ‘Xis’ da questão”.
    Abs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *