Ana, do André e da Lizandra

Esoterices.

Pois bem. No último dia 16, exatamente às 10h13min (tinha que ter 13…), veio ao mundo a Ana, filha do André e da Lizandra.

Segundo o MAPA ASTRAL dessa pequena capricorniana nascida em Jacareí (já descontado o horário de verão), ela possui o décimo signo do Zodíaco, o qual é governado pelo planeta Saturno, de pessoas com caráter complexo. A cor tradicional do signo de Capricórnio é o cinza e o verde escuro.

O Sol em Capricórnio – que identifica seu Signo de nascimento – lhe garante o caráter de uma pessoa íntegra, reservada, circunspecta, digna, com muita força de vontade. A sua ambição é tranquila, dentro dos limites do razoável. Gosta de responsabilidades e assume-as. Pode trabalhar numa área social. Possui espírito geométrico e de síntese.

Sua ascendência em Peixes indica que efetivamente procurará o amor, não será um qualquer, será um amor puro, perfeito. A procura arrisca-se a ser longa… Conseguirá vencer na vida graças a sua força de vontade e a sua vitalidade.

O Sol na 10ª casa demonstra uma grande importância da vida profissional: ocupa posição importante. O êxito é lento mas certo. Ascenção em relação à condição de nascimento.

A Lua em Leão demonstra que ela é valente, sabe tomar decisões, tem convicção nas suas idéias, honestidade, boa presença e é perspicaz. Possui um grande sentido da justiça, a qual muito respeita. Tem o sentido da organização. Escolhe muito bem os amigos, não os tendo só pelo fato de os ter. De natureza alegre e confiante: procura a vida próspera e independente.

A Lua na 5ª casa significa que ela gosta dos prazeres e de todas as distrações. De grande sociabilidade, possui talento para atividades com crianças, gosta delas. É uma autodidata.

Mercúrio em Capricórnio: Reflexão, pensamento profundo – fineza e vivacidade de espírito. Empreende grandes estudos, ou, se as condições não o permitem, será uma autodidata. Ela é uma pessoa muito metódica, racional com espírito claro, lógico, sem complicações: busca o essencial das coisas. Gosta das ciências exatas.

Mercúrio na 10ª casa: O seu lar, o seu conforto, tudo isto é muito importante para ela. É inteligente, fala com facilidade e à vontade. Dirige, sem problema, vários negócios ao mesmo tempo, e leva-os até ao fim. Numerosas mudanças de casa por razões de trabalho, ou profissão itinerante.

Vénus em Capricórnio: O seu amor é sincero. Ela liga-se principalmente a pessoas que têm problemas, o que lhe complica muito a vida, porque esses problemas passam também a ser seus. Frieza e reserva na expressão dos sentimentos – que são sérios, profundos, estáveis, sólidos, definitivos.

Vénus na 10ª casa: Os seus melhores anos são aqueles com os pais e também os últimos da sua vida. Ligação psicológica estreita com a mãe. Não quer dizer que os outros anos sejam maus, mas terá que ultrapassar vários obstáculos. O amor poderá ajudar na sua carreira profissional. Tem o dom da sedução. Gosta de receber visitas, gosta do conforto e da beleza do lar.

Marte em Touro: Vai até ao fim com os seus objetivos, conclui e então empreende uma outra ação com a mesma força de vontade e o mesmo entusiasmo da anterior. Tenacidade e perseverança.

Marte na 2ª casa: Ela conduzirá empreendimentos ousados e perigosos. Tomará muitas iniciativas. Lutará para ganhar dinheiro, e ganhará muito. Se algum azar acontecer, estará sempre pronta para recomeçar de zero outra vez. Grande força de vontade e entusiasmo.

Júpiter em Escorpião: Ela é provocadora, brusca, ofensiva. Tem bastante pretensão, autoridade, ambição e teimosia. Costuma ter uma família numerosa.

Júpiter na 8ª casa: Ela tem interesse pelas ciências ocultas.

Saturno em Leão: Ocupará quase sempre um lugar de autoridade. Ela gosta de ter responsabilidades e assume-as. Beneficia de favores de protetores, que reconhecem os seus méritos. Receberá recompensas pelo seu trabalho bem feito.

Saturno na 5ª casa: Ela gosta do método, do cálculo, da concentração. Não se sente atraída pelos divertimentos nem pelos prazeres em geral. Tem poucos amigos verdadeiros, mas os seus sentimentos são profundos e sinceros. É uma pessoa séria em tudo o que lhe diz respeito.

Urano em Peixes: Ela é receptiva, sutil, mas foge quando lhe pedem para investir.

Urano na 12ª casa: Ela tem dificuldades em adaptar-se ao mundo moderno, às novas tecnologias. Procurará um trabalho num local retirado. Sente atração pelo bizarro.

Netuno em Aquário: Tem muita generosidade. Gosta de resolver os problemas para que toda a gente fique satisfeita.

Netuno na 11ª casa: A sua amizade é franca e desinteressada.

Plutão em Sagitário: Grandes aspirações. Idealiza o amor e a sexualidade.

Tudo isso é apenas uma síntese de seu mapa astral…

Já no Oriente, temos o HORÓSCOPO CHINÊS, onde o signo de alguém corresponde ao animal regente do ano em que a pessoa nasceu. Cada um dos signos animais rege um dos 12 anos que compõem o ciclo chamado de “o grande ano”, que coincide com o tempo que o planeta Júpter demora para dar a volta do zodíaco. Para os chineses, os animais do zodíaco são mensageiros que permitem ao homem estabelecer contato com a energia essencial.

O Horóscopo Chinês é dividido também em doze signos, representando doze tipos diferentes de seres humanos. O enquadramento de cada nativo é feito pelo ano de nascimento, que se repete a cada período de doze anos, enquanto que, a cada dois anos, as características gerais são alteradas em função da mudança do Elemento que rege os signos. Além disso, cada período de duas horas é governado por um dos signos, o que acrescenta mais algumas características específicas.

Assim como eu, a pequena Ana possui o signo do Galo. O décimo ramo da astrologia chinesa é simbolizado pelo signo de Galo (You – “o Coordenador”). Suas principais qualidades são a eficiência, o acentuado senso de responsabilidade, a disciplina, a autoconfiança, a seriedade, a disposição para construir e realizar, além de uma inegável coragem frente às adversidades. O nativo deste signo costuma ser crítico e exigente, cobrando demais de si mesmo e também dos outros. Tem uma mente ágil e habilidade para se expressar. Mas também pode se mostrar inflexível, apegada demais a idéias e valores, o que dificulta sua vida nos momentos em que se faz necessário um pouco mais de versatilidade.

O nome do signo em Chinês é JI; em japonês, TORI.

Horas governadas pelo signo: 17:00 às 19:00 horas.

O Galo prima pela boa educação, pelo refinamento e pela polidez, impondo seu espírito ordeiro e pacato. Afável e fiel.

Movido por um desejo interior enorme de atingir a perfeição em todos os sentidos, inclusive no plano espiritual, o nativo do Galo prima pela simplicidade em relação aos bens materiais, pois não se deixa ofuscar pelo luxo ou pelas suas posses, que são muitas, graças a sua capacidade de ganhar dinheiro.

Preocupa-se com o próximo com uma dedicação extrema, cuidando carinhosamente daqueles que precisam de sua ajuda. Essa característica toda própria faz com que se dediquem às profissões da área médica e da assistência social.

É metódico, inteligente, com um charme todo especial pela sua ternura, encantando a todos com seu espírito observador e analítico. Quando se trata de expressar os próprios sentimentos, no entanto, o Galo é tímido e retraído.

Aprecia as novidades e se entrega à vida com um entusiasmo contagiante. Podem ser muito mordazes em suas opiniões a respeito das pessoas e detestam a crítica. Quando magoados, tornam-se agressivos e demonstram até certa crueldade.

Não tem, no entanto, espírito vingativo, pois sua memória para fatos desagradáveis é muito pequena. Em pouco tempo se esquece de uma ofensa.

Não se arrisca, preferindo traçar metas e objetivos realistas e ao seu alcance. Preserva sua própria liberdade, mas não evita de se intrometer na liberdade alheia.

Galos famosos: Suharto, Deborah Kerr, Peter Ustinov, D. H. Lawrence, John Glenn, imperador Akihito, Yoko Ono, Eudora Welty, Bette Midler.

O ANJO DO DIA, segundo a teoria dos anjos cabalísticos, seria LAOVIAH.

Este anjo é invocado contra as fraudes e para obter a vitória. Influencia os grandes personagens que marcaram a história e ajuda o ser humano a obter graças pelo seu talento natural. A ajuda deste anjo será fornecida através das experiências de vida.

Quem nasce sob esta proteção, poderá descobrir muitas coisas que usará de forma prática no dia-a-dia. Será célebre por seus atos, melhorando sua personalidade a cada nova experiência vivida. Terá por todos com os quais se relacionar, sentimentos fortes e duradouros, pois tem uma intensa capacidade para amar. Será uma pessoa de sucesso e terá estabilidade financeira. Apaixonado por filosofia, compreenderá facilmente o mundo dos elementais. Enfrentará grandes desafios, tanto na vida sentimental quanto na vida profissional.

Profissionalmente fará sucesso em qualquer atividade, pois com sua coragem, nenhum obstáculo será suficientemente grande para detê-lo. Terá tendência para ser uma estrela no mundo político e na vida social.

O anjo Laoviah pertence à categoria dos Querubins, sendo Raziel seu príncipe. O salmo a ele vinculado é o 17.

Os SANTOS DO DIA são os seguintes: São Marcelo, São Berardo e São Honorato.

São Marcelo foi eleito papa em 307, nos últimos anos da perseguição da igreja pelo imperador Diocleciano. Ele fez a organização eclesiástica da Igreja dividindo a igreja em 25 paróquias para as quais nomeou os cardeais (um embrião do Santo Colégio) e foi extremamente misericordioso para aqueles que se arrependiam de ter renegado a sua Fé. Mas quando algumas pessoas conhecidas como os “Lapsis”, que recusavam a penitência para a sua apostase, não eram perdoados pelo papa Marcelo, e por causa disso o tirano e imperador Maxentius enviou São Marcelo para o exílio e ele morreu em 309 como resultado de inúmeras privações. O corpo de São Marcelo foi enterrado no cemitério de Santa Priscila em Roma. Mas logo em seguida o imperador Maxentius foi derrotado em batalha pelo Imperador Constantino que era Cristão e o oratório de São Marcelo foi restaurado e tornou-se um local de veneração. No sexto século foi reformado e aumentado para permitir acomodar mais fiéis. Após 300 anos suas relíquias foram colocadas no altar-mór da igreja que tem o seu nome e que fica exatamente onde ele tinha o seu oratório. Embora a igreja de “São Marcelo Al Corso” tenha sido reconstruída varias vezes as relíquias do santo estão sob o altar até os dias de hoje.

São Berardo e seus companheiros: Em 1219, seis franciscanos foram enviados como missionários a Espanha. Tornaram-se os primeiros mártires da ordem fundada por Francisco de Assis. Todos nasceram na Itália. Eram eles Vital, Berardo, Pedro, Acúrsio, Adjunto e Oto. Dois irmãos leigos e três sacerdotes. Partiram descalços, sem dinheiro e nenhuma provisão conforme recomedava Francisco. Passaram por Portugal e, enfrentando muitas dificuldades, alcançaram Sevilha, que se encontrava sob o domínio dos mouros. Levados por uma determinação de levar o Amor de Deus aos muçulmanos, pregaram o Evangelho ao próprio rei dos mouros que, irritado por tão grande atrevimento, mandou-os para a prisão. Foram salvos, graças à intervenção do príncipe que convencera o pai a deportá-los para Marrocos. Ali chegados, logo se puseram a anunciar o Evangelho aos marroquinos e ao próprio Miramolim, rei dos mouros. Este os expulsou de suas terras. Os cinco santos, entretanto, retornaram e retomaram a pregação. Insistiram até que foram presos, açoitados e decapitados pelo rei, que julgava assim prestar um culto a Alá, Deus de Maomé, seu santo profeta.

São Honorato: De um nobre família italiana Santo Honorato nasceu na segunda metade do século IV e conhecia todas as ciências da época. Depois de conhecer o Cristianismo abandonou o culto dos deuses e escondido dos pais recebeu o Batismo. Na sua vida de cristão nada foi fácil, principalmente quando seus pais rejeitaram e combateram a fé em Jesus. Frente a morte dos pais, o Santo com seu irmão sonharam em consagrarem-se a Cristo, por isso foram para a Síria e Grécia e outros locais, isto tudo com a ajuda do amigo. Com a morte do irmão, Honorato decidiu voltar para a Itália, onde foi ordenado sacerdote, e começou a morar e evangelizar na ilha de Lérins. Honorato acabou tendo que fundar um mosteiro, o qual foi gerador de grandes escritores, bispos e santos. Verdadeiro pai dos monges, dirigia a todos com suavidade e doçura. Dizia sempre que: “Quem é virtuoso, não precisa estar triste”. Por isso no mosteiro de Honorato reinava uma alegria e serenidade, ao ponto da ilha de Lérins ser chamada da ILHA FELIZ. Santo Honorato não conseguiu terminar sua existência terrena em seu mosteiro, pois teve que assumir o bispado de Arles, importante lugar na França. Seu discípulo, Santo Hilário, dele escreveu: “Se preciso fosse representar alegoricamente a caridade, retrataria a imagem de Santo Honorato”.

Tirinha do dia:
Desventuras de Hugo...

4 thoughts on “Ana, do André e da Lizandra

  1. Gostei do blog, entrei sem querer ( estava fazendo buscas nem sei mais sobre o que)mas gostei de ler, sincronicidade existe, creio nestas coisas! abraços. Paz Profunda!

  2. De fato, Randler. Por mais leviano (ou Paulo-Coelhístico) que isso possa soar, eu acredito sinceramente que “o Universo conspira em nosso favor”. Coincidências não existem, pois costumo dizer sempre que o que é justo chega na hora certa; nem mais cedo, nem mais tarde”. E, no caso deste post, era chegada a hora da pequena Ana surgir na vida do casal…

  3. eu gostei de ler sobre o anjo Laoviah
    eu naci em 04 /11/1956
    eu gosto muito de falar de anjos e d siguinos quero resposta
    obrigado
    um abraço a té
    laides

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *