Politicamente correto, ora pois!

Essa eu recebi hoje de dois amigos: primeiro do Xina e depois do Cláudio…

Em um concerto da Banda U2 em Lisboa, Portugal, o vocalista Bono pediu silêncio ao público e depois começou a bater palmas, no ritmo da música que os colegas de banda tocavam de fundo.

Ele foi batendo palmas… A música foi ficando mais suave… Ele olhou para os demais músicos e eles também silenciaram. Só as palmas ritmadas do Bono ecoavam pelo estádio lotado.

Ele foi lentamente se movimentando até o microfone e olhando para as pessoas, todas quietas… Então disse, num tom sério:

– Eu quero que vocês pensem nisso… A cada batida de minhas mãos, uma criança morre na África…

Então surgiu uma voz de um portuga nas arquibancadas, gritando a plenos pulmões:

– Ora, pois, então vê se pára de bater palmas, seu filho da puuutaaaaaa!!!

Corolário de Murphy: se isso tivesse ocorrido em algumas comarcas do interior de São Paulo, certamente Bono seria indiciado por crime doloso

4 thoughts on “Politicamente correto, ora pois!

  1. putz!…

    (aliás, isso me lembra um episódio do chaves que um amigo aqui do trampo vive citando, quando o seu barriga diz que o trânsito na cidade está uma loucura; a cada 3 minutos um homem é atropelado. ao que a chiquinha diz: coitado!)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *