18 jul 2007 - 14:15  

Celular roubado: contrato cancelado

É bom deixar anotada essa notícia para futuros casos de emergência…

Roubo de celular gera cancelamento de contrato com operadora

Publicado em 16 de Julho de 2007 às 11h22

O roubo de aparelho celular é um fato imprevisível, que leva à rescisão do contrato realizado com a operadora, sem qualquer despesa para o consumidor. Assim decidiu a 18ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, ao julgar um processo de uma cliente de Juiz de Fora, que teve o celular roubado, contra uma operadora de telefonia celular.

A decisão impõe à operadora o cancelamento do contrato, sem qualquer despesa para a consumidora, proibindo a cobrança de débitos e o lançamento de seu nome em cadastros de inadimplentes, sob pena de multa diária de R$ 50, até o valor máximo de R$ 5 mil.

A cliente adquiriu o celular e aderiu a contrato com a operadora em 31 de dezembro de 2005. Pelo contrato, a cliente se obrigou a efetuar o pagamento das mensalidades da assinatura do plano pelo prazo de 12 meses. O aparelho foi adquirido para uso do sobrinho da cliente, então com 14 anos.

Em 25 de abril de 2006, o adolescente foi vítima de um roubo à mão armada em via pública de Juiz de Fora, ocasião em que levaram seu aparelho celular. O fato foi registrado em Boletim de Ocorrência.

A titular da linha comunicou o fato à operadora, solicitando o cancelamento do contrato, já que, sem o aparelho, não poderia mais utilizar os serviços. Entretanto, a operadora exigiu o pagamento de “taxa de cancelamento do contrato”, no valor de R$ 300.

Inconformada, a consumidora ajuizou ação contra a operadora, pedindo o cancelamento do contrato, sem despesas para ela, bem como a suspensão da cobrança das mensalidades e que a operadora fosse proibida de inscrever seu nome em cadastros de inadimplentes.

A sentença de 1ª instância acatou o pedido, fixando multa diária de R$ 50, até o valor máximo de R$ 5 mil, em caso de descumprimento.

A operadora recorreu ao Tribunal de Justiça, alegando que, mesmo após a perda do aparelho celular, a relação contratual subsiste. Segundo a empresa, nesse caso, basta a aquisição de novo chip pelo consumidor, para que o contrato seja cumprido até o prazo estabelecido, o que foi recusado pela cliente.

Os Desembargadores Fábio Maia Viani (relator), Guilherme Luciano Baeta Nunes e Unias Silva, entretanto, confirmaram a sentença.

Segundo o relator, “o roubo do aparelho celular alterou a realidade dos fatos, porquanto a consumidora teria que desembolsar valores para adquirir novo aparelho e chip, o que, sem dúvida, resultaria em mudança da situação econômica”.

“O cumprimento do contrato só é exigível enquanto se conservarem imutáveis as condições externas”, ressaltou o Desembargador.

Processo: 1.0145.06.320869-1/001

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais




38 Comentários

  • Estou enfrentando situação muito parecida, mas no meu caso trata-se de um modem (modulador-demodulador) sem fio, que usa uma linha de celular para fornecer acesso à internet, pela operadora Claro.

    Minha casa foi invadida (22/03/08) e me furtaram um notebook e o referido modem. O modem tinha sido comprado há 6 dias (20/03/08) e o contrato prevê carência de 12 meses para cancelamento. O modem me custou R$99,00 (noventa e nove reais), mas quando procurei a operadora para comprar outro fui informado que deveria pagar R$1.178,00(Um mil, cento e setenta e oito reais) para comprar um outro modem idêntico ao primeiro. Ora, disse que era abusivo e sem sentido e que iria cancelar o contrato. Então me informou que a multa recisória seria de R$900,00 (novecentos reais).

    A minha situação poderia ser equivalente a situação da cliente de Minas Gerais?

  • Relativamente, Alexandre. Nesse caso entendo que temos a ocorrência da chamada “força maior”, ou seja, “é o evento humano que, por sua imprevisibilidade e inevitabilidade, cria para o contratado a impossibilidade instransponível de regular execução do contrato”. Como não existe, para você, a possibilidade de contornar os efeitos da incidência do furto frente ao seu contrato – e você não concorreu para isso – sou do entendimento que nada seria devido à empresa em questão. Duas são as possibilidades: ajuizar uma ação tendo por base o boletim de ocorrência do furto visando resguardar seus direitos frente a eventuais obrigações futuras; ou simplesmente notificar a empresa do que ocorreu, com cópia do citado boletim de ocorrência, informando-lhe que entende nada mais ser devido a esse título.

    Mas isso tudo é genérico, ok? A melhor orientação sempre será de um advogado de sua confiança, ou, no mínimo, do pessoal ligado às pequenas causas (onde nem precisaria de uma advogado).

    Bão, é isso!

    [ ]s!

  • Tambem enfrento uma situação parecida tinha um celular não sei se foi perdido ou roubado. liguei para a claro a operadora e eles bloquearam a linha
    agora tenho de ficar pagando por um serviço que nem tenho mais eles querem que eu compre outro celular senão continuarei pagando o serviço mesmo sem usar por favor me ajudem

  • Airan, Juizado de Pequenas Causas. Sem nem pensar duas vezes. Valem as mesmas recomendações que passei ali em cima para o Alexandre. As operadoras de telefonia celular têm que aprender a respeitar seus clientes. E enquanto estes não correrem atrás de seus direitos – infelizmente – elas continuarão enriquecendo às nossas custas…

  • Obrigado Adauto. Estou tentando resolver administrativamente. Enviei uma contra-notificação para a Claro, via AR, com as cópias do B.O., da formalização junto ao Procon DF do pedido de cancelamento e do protocolo de solicitação de bloqueio que fiz junto a Claro quando do furto do modem. Dei um prazo de 120 horas a partir do recebimento da carta para que eles efetuem o cancelamento do contrato e a suspensão da cobrança. Caso não colaborem, entrarei com ação de reparação no Juizado Especial de Brasília.

    Valeu pela atenção!
    Um abraço.

  • Não por isso, Alexandre! Espero sinceramente que consiga resolver tudo ainda na esfera administrativa. Mas, se não tiver jeito… Bem, não esqueça de incluir possíveis danos morais pelos desgostos que você foi obrigado a passar! ;)

  • OIoi preciso de sua ajuda fui assaltada ontem a noite levaram meu celular claro controle e tem 3 meses q comprei queria cancelar o contrato mais sao 12 meses de carencia como faço?E nao quero pagar multa por cancelamento me oriente por favor estou desesperada..
    desde ja agradeço

  • Naira, seu problema acaba sendo similar aos que o Alexandre e Airan passaram. Dê uma lida em seus relatos e as recomendações para os mesmos – com certeza há de lhe dar um norte de como proceder, ok? Mas de imediato recomendo que faça um Boletim de Ocorrência acerca do assalto e, logo em seguida, notifique formalmete (por escrito) a operadora de que isso aconteceu. Aí sim, conversando com o setor de atendimento de sua operadora, você poderá ter uma noção de quais serão seus próximos passos.

    Boa sorte!

  • Esta notificação por escrita como seria? Eu teria que ir na operadora e requerer uma forma para tal?

    Grato.

  • Paulo, não existe um padrão. Trata-se de uma espécie de “carta” na qual você informa à Operadora o que aconteceu e pede determinadas providências. Talvez se você der mais uma fuçada na Internet deva achar algo mais consistente. Só garanta que seja feita em duas vias idênticas, de modo que a Operadora receba uma via e protocole a outra que ficará com você. Por protocolo entenda-se uma assinatura de recebimento válida, com carimbo identificando quem recebeu, constando ainda a data e a hora desse recebimento, ok?

  • Entraram em minha residência e levaram o aprelho celular marca LG – numero – 013 – 91460296. Tenho esta linha a 6 anos. Gostaria de manter. O procedimento correto seria ir na Lojas da Claro credenciadas ou vcs podem me orientar. Pois ligo para o numero e ningu~em atende.
    Agurado resposta.
    Nelson

  • Nelson, uma vez que já tenha feito um boletim de ocorrência (você fez, não fez?) creio que o procedimento deva ser relativamente simples. No caso específico da Claro eu não sei, mas posso lhe contar o que foi feito no caso da Tim (e não, isso não é nenhum tipo de propaganda).

    A minha esposa – também conhecida como “Dona Patroa” – perdeu o celular dela. Na rua, no trabalho, em alguma loja – sabe-se lá, não tinha nem idéia.

    Primeiro passo: ligamos para a Tim e solicitamos o bloqueio temporário do número, pois era um telefone pós-pago e ainda tentaríamos encontrá-lo (vã esperança de que ela tivesse “esquecido” em algum lugar encontrável).

    Segundo passo: depois de uma semana e sem mais esperanças de encontrar o aparelho, fomos até uma loja da Tim, compramos outro aparelho e também um chamado chip virgem – sendo que na própria loja eles “ativaram” esse chip com o número antigo constante no chip do celular que ela havia perdido.

    Pronto. Tudo de volta ao normal, juntamente com o mesmo número. Menos a agenda telefônica que estava gravada no chip original, é lógico…

    Mas, como eu disse, isso foi no caso da Tim. Provavelmente a Claro deva ter um procedimento similar – basta, como você mesmo já imaginou, ir até uma das lojas credenciadas e se informar.

    Boa sorte!

  • Olá Adaulto.
    Procurando na internet sobre celular roubado achei o seu texto.
    Tinha um celular de assinatura da TIM que foi roubado no DIA dos PAIS de 2008. Percebi momentos depois, por que procurei na minha bolsa e não o encontrei. Fui na delegacia imediatamente e fiz o B.O, depois liguei para a TIM para bloquear o chip, no dia seguinte liguei para cancelar o telefone e cancelar a linha( detalhe faltava poucos dias para acabar a carencia de 12 meses). Fui informada que não poderia cancelar e se fizesse isso pagaria uma multa de 190,00 reais, disseram para ir a uma loja e ver se era possível obter um novo aparelho de valor zero, isso dependia ainda do meu plano. Até fui na loja, mas lá me informaram que teria de esperar até dezembro para ver se era possível tudo isso que já escrevir. Paguei ainda duas contas do telefone depois de roubado. Finalizando até hoje (fevereiro) ainda vem conta do telefone cobrando a parcela do telefone e uma interatividade como se eu ainda usasse o mesmo. só que eu dexei de pagar.
    Devo continuar pagando ainda que seja só o valor da parcela do telefone? O que devo fazer?
    Por favor me ajude.
    Obrigada desde já.

    OBS: Como posso saber sua resposta

  • Elida, vamos tentar separar os fatos.

    Uma coisa é não arcar com despesas de utilização por um aparelho que não mais existe em sua propriedade. Outra é honrar um compromisso assumido em função da aquisição do aparelho (custo do mesmo).

    A sentença que citei neste post diz respeito ao pagamento dos serviços – o que, de fato, é inviável, uma vez que não se possui mais o aparelho. Entretanto, pelo que entendi, você ainda está pagando as parcelas referentes à aquisição do celular (uma vez que o chip já foi bloqueado e não gerou mais contas), é isso?

  • A mais ou menos uns 2 meses , recebi a conta do meu celular claro pós pago, com uma cobrança (insignificante ), porém de um recurso ou serviço assim chamado pela operadora cuja a atendente me disse que teria sido solicitada por mim, coisa que eu ñ o fiz , disse que seria para q eu obtesse no meu contrato serviços de “jogos” , que tipo de jogos são esses eu desconheço , ñ gosto de jogos , tenho pc e de forma nenhuma queria pagar mais caro por uma bobagem onde eu sem sombra de duvidas nao optaria nunca, liguei várias vezes para resolver isso e a operadora CLARO de forma nenhuma me deu se quer a condição de pagar as contas onde eu fosse despensada desse absurdo que nao cometi,muitíssimo chateada e indignada tmb,ñ efetuei o pagamento das contas , que muito antes disso acontecer eu havia solicitado o cancelamento da linha na qual eu só estava pagando a asinatura e dito por eles só poderia cancelar o contrato perante pagamento de uma multa de 300 reais , pq só iria completar um ano em março de 2009, me fizeram ficar presa a eles de forma covarde e injusta , me causando assim transtornos pessoais e morais,hj fui roubada e até o aparelho ñ esta mais comigo ,ficando somente um transtorno desse débito ,que eu admito ,por tamanha falta de respeito para comigo cliente nao paguei o valor cobrado indevido , pois eu por inumeras vezes tentei resolver , quiz pagar e fui tratada com descaso , pra mim , isso foi outro assalto , muito pior do qual levaram meu celular ,pois a operadora Claro ,QUER TIRAR DINHEIRO DOS CLIENTES A TODO CUSTO E FAZER DOS SEUS CLIENTES submissos a essa empresa de bagunça e desrrespeitar sempre sem um ato de conciliação para com o cliente , acredito que preciso resolver isso, nao quero ficar no serasa e spc , por uma coisa que eu nao tenho culpa, me oriente no que fazer pois é muito chato essa situação,onde eu quiz ajuda sempre e eles nunca deram tal importancia a meu problema , nao espero indenizações e nem quero procesar ninguém , quero sim pagar certo o que devo , mais só o que devo , não o que querem me roubar.Aguardo uma resposta urgente e muitíssimo obrigada!

  • Me ajude por favor ,fico envergonhada de estar no spc, e eu não estava pagando o aparelho , esse já era meu, na verdade o que fez desistir de continuar pagando as contas mesmo sem poder cancelar pelo tempo de contrato a ser vencido , foi a falta de concideração em dizer que eu aderi um plano onde ninguém da operadora nem tinha como provar que eu tinha feito a solicitação desse plano , pois é uma situação onde somente o titular da linha poderia fazer , e nunca fiz tanto é que já haviam 2 o 3 messe que o chip dessa conta ficava guardado dentro da minha carteira sempre comigo e eu usava um chip da tim , que foi roubado hj junto com o aparelho , essa Claro é realmente uma bagunça, empresa de desonestos , pensam que vaõ ficar ricos me roubando sem vergonha e com descaramento .Descupa o lamento é que estou p da vida com eles.

  • Prezado Adauto,

    Tinha um celular da TELEMIG no qual pagava apenas a franquia mínima de 15min por mês (R$ 24). Durante 6 meses não usei este chip e ele estava guardado na minha gaveta pessoal. Fui surpreendido quando chegou uma conta de 900R$ em um mês. Liguei e cancelei a linha… e a telefônica me informou que tinha uma conta restante de R$2500,00. Fui na minha gaveta e não achei o chip..alguém roubou. Já fiz a primeira audiência com o Juiz e ele me informou que eu deveria cuidar melhor do meu chip pelo qual pagava apenas a franquia mínima. Discordo da decisão dele pois só fui saber que esse chip tinha sido extraviado quando recebi essa conta absurda. Não existe nenhuma lei que obrique as telefônicas a informar os consumidores quando o gasto estiver anormal? (igual os bancos nos avisam com os cheques e cartões)
    Fico imaginando se viesse uma conta de 1milhão , deveria então vender alguma propriedade pra pagar essa conta?

  • Olá, eu estou enfrentando uma feia. Quando eu vinha da Escola em 06/05. Foi abordado e assaltado, levaram de mim um mp7 no valor de 500$ e minha carteira de dinheiro. Chamei na hora a policia e não chegou, eu ja tinha ligado 7 vezes. A Viatura veio chegar 2h depois, teve tempo dos assaltante ir para outro planeta. Em mesmo momento fui ao ciosp registrar uma ocorrência e estava o sistema fora do ar. Quer dizer que a policia não ta nem ai com quem esta sofrendo. Se a lei fosse assim: que todos os policias matasem os (criminosos.assaltante,pedófolo, ladrão,marginal….) o Brasil melhoraria, eu acredito!

  • Oi, estou passando por um problema. No sábado, roubaram meu celular LG SECRET, de um plano empresa, que tinha adquirido à apenas 03 meses. Liguei bloqueando a linha e o aparelho, fiz o boletim de ocorrência e liguei para o representante do plano da empresa, o mesmo disse que eu teria que pagar 500 reais para cancelar o contrato. O que eu faço? me ajude por favor.

  • Ola,estou passando por um problema parecido mais no meu caso eu tinha um celular pre-pago onde comprei um celular modelo zn200 da motorola no dia 3/06,forma de pág um crediário em 4 parcelas sem pagamento de entrada.O ocorrido foi que o mesmo foi roubado a mão armada no dia 08/06 por volta das 22:00horas,o fato foi comunicado as autoridades no mesmo dia por volta das 22:40horas,onde possuo BO para eventuais consultas.
    Minha duvida é não chegue a utilizar o produto e não foi por motivo banal q não estou com o mesmo,acabei sendo lesada por uma fatalidade,gostaria de saber quais são os procedimentos a tomar? e perguntar a possibilidade de acordo para pagamento do mesmo do mesmo se não estou com ele tem algo que possa me ajudar,me ajude.obrigada

  • Olá, meu celular foi furado, registrei o BO e liguei na claro para cancelar. Na ligação a atendente disse que teria multa, que eu deveria apenas bloquear e ir a uma loja ver o que eu poderia fazer. Fui a Loja com o BO e esse site impresso (rs) para ter a prova do furto e de que poderia cancelar sem pagar multa, mesmo com tudo isso em mãos, a loja fez eu ligar no atendimento para cancelar. Cancelei o serviço, porem foi gerada a multa que virá para o vencimento da ultima fatura. Como devo proceder para não ter que pagar essa multa?
    abraços
    Anderson

  • olá, minha foi adquirido 5 linhas de telefone celular da operadora claro, no mes de agosto, venho tentando cancelar pelo numero 1052 e o atendente fala que se eu cancelar tenho que pagar uma multa no valor de 2 mil e pouco reais, já foi informado a claro que não tem sinal no local de trabalho, que o vendedor não fez o teste aqui para ver se tinha sinal, assim tendo que cancelar pois não tenho interesse de ficar com aparelhos que não tem sinal onde eu trabalho e preciso do celular. o que faço para conseguir o cancelamento sem pagar multa?
    serviço e atendimento da claro de pessima qualidade

  • Oi…meu marido comprou um aparelho da Brasil Telecom e esqueceu em cima do balcão da loja, qdo voltou não estava mais lá, olharam na camara da loja e viram uma mulher pegando o aparelho, resultado disseram que não podia fazer nada, agora ele ta pagando uma mercadoria que não possui em 10x no cartão de crédito, gente me diga tem alguma coisa qye possa ser feita neste caso, pq ficamos revoltados com a falta de segurança da loja, me respondam por favor.

  • Comprei um cel da Claro em 17 AGO de 2009. Roubaram-me com 4 meses de uso. Levei o B.O dois dias depois à loja. Informaram que eu podia pegar outro celular a custo R$ 0,00 com seis meses, ou seja, tinha que pagar por mais dois meses e ainda assim cumpri o veredito. Na hora de pegar o cel, me ofereceram outros modelos de aparelhos inferiores ao que eu adquiri na primeira compra. Informaram que eram os que estavam disponíveis no atual plano meu. Queria saber se temos direito de pegar outro cel com as mesmas configurações ou só os que eles disponibilizarem pra gente?

  • queria a resposta de camilo:# Camilo Chaves comentou:
    7 de maio de 2009, às 17:31

    Prezado Adauto,

    Tinha um celular da TELEMIG no qual pagava apenas a franquia mínima de 15min por mês (R$ 24). Durante 6 meses não usei este chip e ele estava guardado na minha gaveta pessoal. Fui surpreendido quando chegou uma conta de 900R$ em um mês. Liguei e cancelei a linha… e a telefônica me informou que tinha uma conta restante de R$2500,00. Fui na minha gaveta e não achei o chip..alguém roubou. Já fiz a primeira audiência com o Juiz e ele me informou que eu deveria cuidar melhor do meu chip pelo qual pagava apenas a franquia mínima. Discordo da decisão dele pois só fui saber que esse chip tinha sido extraviado quando recebi essa conta absurda. Não existe nenhuma lei que obrique as telefônicas a informar os consumidores quando o gasto estiver anormal? (igual os bancos nos avisam com os cheques e cartões)
    Fico imaginando se viesse uma conta de 1milhão , deveria então vender alguma propriedade pra pagar essa conta?

  • oi?eu tive meu chip roubado!!
    menos o meu celular rsrsrs pra vc ver o quanto ele era bom !!!
    mas o que me importava era apenas os meu contatos que estavam salvos la e eu queia saber se ha um jeito de recuperar os numeros da lista e como eu posso fazer isso!!!!
    por favor me ajuda!!!!!
    estarei esperando a resposta, valeu!!!

  • bom dia meu filho foi assaltado ontem as 15 hs,e levaram seu celular vivo controle,falta apenas 3 meses pra acabar o contrato,quando liquei pra cancelar o aparelho me disseram que terei que pagar 42 reais pra bloquear isso é legal?

  • Ola Adauto, gostaria de saber hoje (Maio/2010) ainda é válida as orientações suas com relação a entrar com ação no Juizado Especial para celular roubado e não cobranção de mensalidades faltantes e multa por parte da operadora. Qual a probabilidade de ganhar a causa ? Existe algum custo para ajuizar essa ação ? obrigado pela atenção

  • Tennho uma duvida eu tenho um celular da vivo, sim eu cancelar esse celular tem como outras pessoas saber de quem era esse celular .
    qual nome estava antes do cancelamento ?

  • olá, sou o giovani de santa cecilia do pavão- pr. no sabado do dia 10 de julho, já de manhã eu nao conseguia faser ligações, sendo que deixei de realizar e receber várias ligações importantes. quando foi a noite, eu entrei no site da minha operadora- a vivo, para saber oq tinha acontecido. falei com um atendente via web e ele disse q o meu numero tava bloqueado por roubo, sendo que eu uso o chip àh mais de 1 ano e nunca fui roubado, como eles bloqueiam o meu chip assim? nao tem logica. eu tenho direito d entrar com uma ação? m ajudem..

  • Eu enfrentando uma situaçao da qual não sei o que faço… Comprei um celular a 7 dias atras, no caso o IPHONE… Este mesmo foi roubado quando fez 7 dias de uso, feito o boletim de ocorrencia e tudo mais, porém ele foi dividido em 10x e eu não tenho condiçoes de pagar algo tão caro sem não usufluir do mesmo e tendo então que comprar outro para fins de trabalho e coisas pessoais, o que faço?

  • Olá, estou com o mesmo problema relatado por Camilo Chaves. Eu tinha um chip Oi pós-pago que eu deixava guardado em casa para ligações interurbanas, o qual eu não usava há meses e pagava apenas a tarifa minima. Até que recebi a conta do inicio de junho de 2012, ref a 05/2o12, no valor de R$330,00. Bloqueei o chip e o transformei em pre-pago, pq seria mais simples e rápido que cancelar o mesmo. Agora chegou a conta ref a 06/2012 no valor R$1600,00 e eu não quero ter que pagar quase R$2000,00 em ligações q não fiz, porém a operadora diz q a responsabilidade é minha por nãp ter notado antes. Eu sei inclusive quem foi q pegou o chip (liguei para o numero dizendo q era uma promocao e confirmei o nome e endereco da pessoa q eu ja suspeitava – a diarista q trabalhava em casa na época). Gostaria de saber se o Camilo Chaves conseguiu não ter q pagar a conta e como procedeu nesse caso….

  • Boa tarde,comprei um celular na tim pos pago de 12 vezes mas apos o terceiro mes perdi o celular,mas não realizei B.O só liguei na operadora e pedi o bloqueio do chip. Mas a tim gerou varios contratos e incluiu meu nome no spc e serasa,como nāo estava trabalhando na epoca a ultima conta antes do bloqueio não foi paga,liguei para fazer negociação da mesma mas ensistem em me cobrar as outras contas que nāo ultilizei o chip tirei o extrato no cerasa e tem muitos contratos mesmo depois do chip bloqueado eles podem fazer isso, se não o que devo fazer.

  • bom, roubaram meu celular hj a mão armada, e eu ainda não paguei nem a primeira parcela, eu comprei ele sabado. tem como fazer alguma coisa pra eu deixar de pagar pelo celular e cancelar a compra ou algo do tipo?

  • Ola, gostaria de tirar uma duvida, fiz um contrato com a operadora vivo que exigia fidelidade de 12 meses. Porem antes mesmo de completar um mes fui roubada, registrei boletim de ocorrencia e levei na operadora porem a mesma disse que a unica prividencia que ela pode tomar é bloqear meu numeri ate eu adiquirir outro aparelho. Mas pra mim nao e interesante continuar a pagar um valor que cobria a linha e o aparelho sendo que nao tenho mais o mesmo. Existe alguma prividencia que posso tomar?

  • Meu celular foi roubado, fiz boletim de ocorrencia, fui na operadora. Esta se recusou a cancelar o plano, apenas quiz reabilitar meu numero em um novo chip. Eu nao aceitei. O que faço? Como e onde vou recorrer?
    Por favor me informe, obrigada!!

  • Fui roubada, levaram meu celular. Era pré-pago e já está com a linha bloqueada. Minha dúvida é sobre o aparelho, ele foi parcelado e estou a 6ª prestação. Sou obrigada a continuar pagando, estou indo fazer o boletim de ocorrência e bloqueio do aparelho. Agradeço a atenção.
    Fernanda Tinoco.

  • Fui roubada e levaram o celular. Porém acabei de fazer a portabilidade e a operadora diz que tenho que ter seis meses para poder me dar outro aparelho. Ocorre que caiu a primeira parcela do aparelho na data que me roubaram. O que posso fazer?

Tem alguma coisa a dizer? Vá em frente e comente!


Digite abaixo quanto é 2 + 4? (ora, vamos: você consegue...)