Questão de meio ambiente

E então meu filhote mais velho tem que fazer uma tarefa para escola referente aos animais em extinção. É lógico que este pai sempre zeloso – após um ligeiro trabalho de convencimento por parte da Dona Patroa (tudo bem, devo parar de mancar em poucos dias) – se pôs à disposição do petiz.

Com uma idéia na cabeça, uma vontade no coração e o Google à mão, rapidamente localizei a página do Ministério do Meio Ambiente, a qual traz um pequenino texto (!) sobre o tema, bem como uma lista enoooooorme dos animais ameaçados de extinção, lista essa dividida em diversas categorias, tais como vulnerável, em perigo, criticamente em perigo, etc.

Não se preocupem. Eu tenho noção de que a tarefa é DELE e tem que ser feito com as palavras DELE. Sentamo-nos ontem à noite e, seguindo mais ou menos o roteiro do texto, expliquei seu teor com palavras inteligíveis a uma criança de sete anos; ou seja, falei sobre como funciona um ecossistema, sobre a extinção das espécies – com uma pincelada acerca dos dinossauros (essa parte ele adorou), sobre os atos do ser humano que podem causar extinção dos animais, quer seja por destruir os bichinhos ou seu habitat – isso eu não precisei explicar, ele já sabia – quer seja por introduzir novas espécies num local estranho. Enfim, ressaltei a importância de se manter um ecossistema equilibrado. Tudo isso pra que ele recontasse com suas próprias palavras as impressões que guardou da “aula”.

O porquê deste post? Sinceramente não sei. Acho que nunca dei real importância a essa coisa de meio ambiente. Mas ali, ao explicar ao filhote todos os detalhes dessas coisas que são até óbvias, e dando exemplos compatíveis com sua cabecinha, pintou um quê de preocupação. Acho que deve ter sido pelo fato de que alguns dos exemplos que dei dizem respeito a situações próximas, as quais presenciei ou vivenciei. Isso acaba por tornar o enfoque meio que diferente. Acho que não vou conseguir mais ver essa questão ambiental com aquele distanciamento seguro e confortável que até então eu ostentava.

Pois é. Como já dizia o filósofo: “normalmente ensinamos melhor aquilo que mais precisamos aprender”

2 thoughts on “Questão de meio ambiente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *